Conhecimento Didático do Conteúdo na Formação de Professores de Computação

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5753/rbie.2022.2525

Palavras-chave:

Formação Docente, Computação, Licenciatura, Saberes Docentes, Pensamento Computacional

Resumo

A constituição do Conhecimento Didático do Conteúdo (CDC) é uma temática estudada em diferentes áreas. Defendemos a necessidade de explicitar o CDC de professores de Computação como uma forma de construir dinâmicas de integração do conhecimento do conteúdo com conhecimentos didáticos, o CDC. O objetivo é entender a constituição do CDC na identificação do pensamento computacional ao desenvolver atividades desplugadas na Educação de Jovens e Adultos. Para isso, desenvolvemos um relato de experiência de um processo que se aproxima da pesquisa-ação crítica e emancipatória, em que licenciandos e professor formador do componente de Prática do Ensino da Computação IV desencadearam uma ação de planejamento e desenvolvimento atividades, que potencializou processos reflexivos na formação docente. O texto analisou esse processo interativo, que se constituiu em um relatório das ações e interações em sala de aula e questionário aplicado aos licenciandos. A pesquisa-ação apresentada por meio de estudos, planejamento e Desenvolvimento de atividades desplugadas proporcionou explicitar o CDC de professores de Computação.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Maria Cristina Pansera de Araújo, UNIJUÍ

Doutorado em Genética e Biologia Molecular pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (1997). Professora da Universidade Regional do Noroeste do Estado do Rio Grande do Sul. http://lattes.cnpq.br/6707424118316750.

Uianes Luiz Rockenbach Biondo, Instituto Federal Farroupilha

Professor da Licenciatura em Computação do Instituto FEderal de Educação, Ciência e Tecnologia Farroupilha 

Referências

BELL, T., WITTEN, I. H., FELLOWS, M. (2011) Computer Science Unplugged – Ensinando Ciência da Computação sem o uso dos computadores. Traduzido por: Luciano Porto Barreto. 2011. [Link]

BISPO JR., E. L.; Raabe, A.; Matos, E.; Maschio, E.; Barbosa, E. F.; Carvalho, L. G.; Bittencourt, R. A.; Duran, R. S.; Falcão, T. P. Technologies in Computing Education: First approximations (Tecnologias na Educação em Computação: Primeiros Referenciais). Brazilian Journal of Computers in Education (Revista Brasileira de Informática na Educação – RBIE), 28, 509-527, 2020. DOI: 10.5753/RBIE.2020.28.0.509 [GS Search]

BRACKMANN, C. P. Desenvolvimento do Pensamento Computacional Através de Atividades Desplugadas na Educação Básica. Tese de doutorado. Programa de Pós-Graduação em Informática na Educação (PPGIE). Universidade Federal do Rio Grande do Sul. UFRGS, Porto Alegre, 2017. [Link] [GS Search]

CAMBRAIA, A. C. Epistemologia da Ciência na Constituição do Professor de Computação. In: Uberti, H. G.; Conto, J. M. Formação de professores no IF Farroupilha: novas possibilidades, novos desafios. São Leopoldo: Oikos, 2016. [Link].

CAMBRAIA, A. C.; ZANON, L. B. Desenvolvimento Profissional Docente numa licenciatura: interlocuções sobre o projeto integrador. Revista Brasileira de Educação. V. 23, 2018. DOI:10.1590/S1413-24782018230043 [GS Search]

CARR, W., KEMMIS, S. Teoria crítica de la enseñanza: investigación-acción en la formación del profesorado. Barcelona: Martinez Roca, 1988.

CASTRO, A. L. El Conocimiento Didático del Conteúdo (CDC): una herramienta que contribuye en la configuración de la identidad professional del profesor. Magistro, 8(15), pp. 89-110, 2014. DOI: [GS Search]

CRUZ, M. E. J. K., MARQUES, S. G., OLIVEIRA, W. Design and Evaluation of Unplugged Didactic Material for Teaching of Computer Science in Basic Education (Desenvolvimento e Avaliação de Material Didático Desplugado para o Ensino de Computação na Educação Básica). Brazilian Journal of Computers in Education (Revista Brasileira de Informática na Educação - RBIE), 29, 160-187, 2021. DOI: 10.5753/RBIE.2021.29.0.160 [GS Search]

DELIZOICOV, Demétrio; ANGOTTI, José; PERNAMBUCO, Marta. Ensino de Ciências: fundamentos e métodos. 4. ed. São Paulo: Cortez, 2011.

FERREIRA, A. C.; MELHOR, A.; BARRETO, J. S.; PAIVA, F.; MATOS, E. Experiência Prática Interdiscilinar do Raciocínio Computacional em Atividades de Computação Desplugada na Educação Básica. Anais do Workshop de Informática na Escola (WIE 2015). CBIE-LACLO 2015. DOI:10.5753/cbie.wie.2015.256 [GS Search]

GAUTHIER, C. et al. Por uma teoria da Pedagogia: pesquisas contemporâneas sobre o saber docente. Ijuí: Ed. UNIJUÍ, 2013.

GIL, A. C. Como elaborar projetos de pesquisa. 4. ed. São Paulo: Atlas, 2002.

HEINTZ, F., MANNILA, L., FÄRNQVIST, T. A review of models for introducing computational thinking, computer science and computing in K-12 education, IEEE Frontiers in Education Conference (FIE), Erie, PA, USA, pp. 1-9, 2016. DOI:10.1109/FIE.2016.7757410 [GS Search]

HERNÁNDEZ, F.; MONSERRAT, V. A organização do currículo por projetos de trabalho: o conhecimento é um caleidoscópio. 5. Ed. Porto Alegre: Artes Médicas, 1988.

IFFAR. Plano Pedagógico do Curso de Licenciatura em Computação. Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Farroupilha, Campus Santo Augusto, 2014. [Link].

LEONTIEV, Alexis. O desenvolvimento do psiquismo. 2. ed. São Paulo: Centauro, 2004.

LIBÂNEO, J. C. Formação de professores e didática para o desenvolvimento humano. Revista Educação e Realidade. Porto Alegre, v. 40, n. 2, p. 629-650, abr/jun. 2015. DOI: 10.1590/2175-623646132 [GS Search]

LOPES, A. C. Conhecimento escolar: ciência e cotidiano. Rio de Janeiro: Ed. UERJ, 1999. [Link].

LOPES, A. C. Currículo e Epistemologia. Ijuí: Editora UNIJUÍ, 2007.

LOPES, A. C. Políticas de Integração Curricular. Rio de Janeiro: EdUERJ, 2008.

LOZANO, D. L. P.; DENARI, G. B.; CAVALHEIRO, G. C. S. Conhecimento Didático do Conteúdo de professores de Ciências da Natureza e Matemática: análise a partir dos desenhos curriculares. Revista Ensaio. v. 19. e292. Belo Horizonte, 2017. DOI: 10.1590/1983-21172017190125 [GS Search]

LUDKE, Menga; ANDRÉ, Marli E. A. Pesquisa em Educação: abordagens qualitativas. São Paulo: EPU, 1986.

MARCELO, C. A identidade docente: constantes e desafios. Formação Docente, Belo Horizonte: ANPED; Belo Horizonte: Autêntica, v. 01, n. 01, p. 109-131, 2009. [Link]. [GS Search]

MARTINS JUNIOR, F. R. F. M.; LIMA, J. O. G. Os saberes docentes e as práticas pedagógicas de licenciandos em Informática: um estudo diagnostico. Revista Brasileira de Informática na Educação (RBIE). v. 24, n.1, 2016. DOI:10.5753/rbie.2016.24.1.115 [GS Search]

MATOS, E. S. Identidade docente e o papel da interdisciplinaridade no currículo de licenciatura em computação. Revista Espaço Acadêmico. Dossiê: Licenciatura em Computação: reflexões teorias e políticas. Ano XIII – issn 1519-6186, n. 148, Setembro de 2013. [Link]. [GS Search]

KOEHLER, M. J.; MISHRA, P. What is Technological Pedagogical Content Knowledge (TPACK)? Contemporary Issues in Technology and Teacher Education, p.60-70. 2009. [Link]. [GS Search]

MORAES, R., VALDEREZ, M. R. L. Pesquisa em sala de aula: tendências para educação em novos tempos. Porto Alegre: EDIPUCRS, 2002. [Link].

MORIN, E. Os sete saberes necessários à educação do futuro. Traduzido por: Catarina E. F. da Silva e Jeanne Sawaya. 2. Ed. Revisada, 3 reimp. São Paulo: Cortez; Brasília, DF: UNESCO, 2011.

MORIN, E. A cabeça bem-feita: repensar a reforma, reformar o pensamento. Traduzido por: Eloá Jacobina. 12. Ed. Rio de Janeiro: Bertrand Brasil, 2006.

PADILHA, R. P. Planejamento dialógico: como construir o projeto político-pedagógico da escola. São Paulo: Cortez/ instituto Paulo Freire, 2001.

PARGA, D. L.; MORA, W. M. El PCK, un espacio de diversidad teórica: conceptos y experiencias unificadoras en relación con la didáctica de los contenidos en química. Educación química, México: Universidad Nacional Autónoma de México; México: Elsevier, v. 25, n.3, p. 332-342, jun. 2014. DOI: 10.1016/S0187-893X(14)70549-X [GS Search]

SANTOS, A.; GAMA, R.; FARIAS, C. Computação desplugada no ensino da Computação no Brasil: um mapeamento sistemático da literatura. In: Escola Regional de Computação Bahia, Alagoas e Sergipe (ERBASE), 2019, Ilhéus. Anais [...]. Porto Alegre: Sociedade Brasileira de Computação, 2019. p. 565-574. [Link]. [GS Search]

SHULMAN, L. S. Autonomy and Obligation: The Remote Control of Teaching. En 1. S. Shulman y G. Sykes (eds.), Handbook of Teaching and Policy. New York, 1983.

SHULMAN, L. S. Those who understand: knowledge growth in teaching. 1986. [Link]. [GS Search]

SHULMAN, L. S. Knowledge and teaching: foundatoins of new reform. Harvard Educational Review, v. 57, n. 1, p. 1-22. Harvard College, 1987. doi: 10.17763/haer.57.1.j463w79r56455411 [GS Search]

SHULMAN, L. S. Conhecimento e ensino: fundamentos para a nova reforma. Cadernos Cenpec. São Paulo. V. 4, n. 2, p. 196-229, dez. 2014. 10.18676/cadernoscenpec.v4i2.293 [GS Search]

SILVA, D. R. Desenvolvimento do Pensamento Computacional como Dimensão Estruturante de Professores de Cursos Superiores de Computação. Tese de Doutorado. Programa de Pós-Graduação em Educação nas Ciências - UNIJUÍ. Orientação do professor Dr. Otavio Aloisio Maldaner. Ijui: UNIJUÍ, 2020. [Link]. [GS Search]

TARDIF, M. Saberes docentes e formação profissional. Petrópolis: Vozes, 2002. [Link].

WING, J. M. Computational thinking. Communications of the ACM, v. 49, n. 3, p. 33–35, 2006. [Link]. [GS Search]

WING, J. M. Computational thinking benefits society, 2014.[Link]. [GS Search]

ZABALZA, M. A. Competencias Docentes Del Profesorado Universitario (Calidad Y Desarrollo Profesional). Madrid: Narcea, 2003. [Link]. [GS Search]

Arquivos adicionais

Publicado

2022-09-30

Como Citar

CAMBRAIA, A. C.; ARAÚJO, M. C. P. de; BIONDO, U. L. R. Conhecimento Didático do Conteúdo na Formação de Professores de Computação. Revista Brasileira de Informática na Educação, [S. l.], v. 30, p. 449–470, 2022. DOI: 10.5753/rbie.2022.2525. Disponível em: https://sol.sbc.org.br/journals/index.php/rbie/article/view/2525. Acesso em: 23 abr. 2024.

Edição

Seção

Artigos