Avaliação empírica de termos técnicos em issues de projetos opensource

Autores

  • Ivan Machado Universidade Federal da Bahia - UFBA
  • Joselito Júnior Universidade Federal da Bahia - UFBA

DOI:

https://doi.org/10.5753/reic.2020.1744

Resumo

A demanda crescente por sistemas de software robustos e confiáveis tem levado a comunidade científica e a indústria de software a investigar aspectos relacionados aos defeitos reportados em sistemas de rastreamento de defeitos. O objetivo comum é compreender as causas dos defeitos, e assim estabelecer estratégias para prevenir sua ocorrência e propagação, reduzindo possíveis danos. Os defeitos reportados por usuários através de issues em rastreadores de defeitos revelam informações importantes para os desenvolvedores. A presente investigação realizou uma análise de dados provenientes de 510.212 issues de 85 repositórios de projetos de código-fonte aberto, disponíveis no Github. Com o auxílio de uma lista de 608 termos técnicos selecionados manualmente, foi analisada a frequência na utilização dos termos pelos contribuidores desses repositórios. O estudo encontrou o emprego dos termos nos diferentes campos de uma issue, bem como a possibilidade de identificação dos termos mais utilizados nestes repositórios. Os resultados deste estudo apontam para ganhos potenciais na compreensão do ambiente de falhas por apresentar termos que formam indicativos de defeitos em estruturas fundamentais do repositório.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2020-11-15

Como Citar

Machado, I., & Júnior, J. (2020). Avaliação empírica de termos técnicos em issues de projetos opensource. Revista Eletrônica De Iniciação Científica Em Computação, 18(3). https://doi.org/10.5753/reic.2020.1744