Correlação entre habilidade de resolução de problemas e desempenho em disciplina introdutória de programação

Resumo


Este trabalho tem por objetivo replicar o estudo realizado por [Lishinski et al. 2016] que correlaciona a nota de um questionário de Resolução de Problemas com a nota obtida pelo aluno ao final do período letivo, ao qual cursou uma disciplina de Introdução à Programação de Computadores. Para alcançar o objetivo, o questionário foi traduzido e validado, para ser aplicado ao contexto local. Como resultado, observou-se que as correlações foram antagonistas ao estudo realizado no exterior, podendo ter por justificativa as condições adversas e atípicas proporcionadas pelo ensino remoto.

Palavras-chave: Resolução de problemas, Questionário, Programação introdutória

Referências

Araújo, D., Rodrigues, A., Silva, C., and Soares, L. (2015). O ensino de computação na educação básica apoiado por problemas: Práticas de licenciandos em computação. In Anais do XXIII Workshop sobre Educação em Computação, pages 130–139, Porto Alegre, RS, Brasil. SBC.

Holyoak, K. J. (1990). Problem solving. Thinking: An invitation to cognitive science, 3:117–146.

Lishinski, A., Yadav, A., Enbody, R., and Good, J. (2016). The influence of problemsolving abilities on students’ performance on different assessment tasks in cs1. In Proceedings of the 47th ACM technical symposium on computing science education, pages 329–334.

Martinez, M. E. (1998). What is problem solving? The Phi Delta Kappan, 79(8):605–609.

Onuchic, L. d. l. R. (2019). Resolução de problemas: teoria e prática. Paco Editorial.

Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE) (2005). PISA2003 technical report. Disponível em: [link].

Parker, M. C., Guzdial, M., and Engleman, S. (2016). Replication, validation, and use ofa language independent cs1 knowledge assessment. In Proceedings of the 2016 ACM conference on international computing education research, pages 93–101.

Pereira, F. D., Fonseca, S. C., Oliveira, E. H., Cristea, A. I., Bellhauser, H., Rodrigues, L., Oliveira, D. B., Isotani, S., and Carvalho, L. S. (2021). Explaining individualand collective programming students’ behaviour by interpreting a black-box predictivemodel. IEEE Access.

Pereira, F. D., Oliveira, E. H., Oliveira, D. B., Cristea, A. I., Carvalho, L. S., Fonseca, S. C., Toda, A., and Isotani, S. (2020). Using learning analytics in the amazonas: understanding students’ behaviour in introductory programming. British Journal of Educational Technology.

Pólya, G. and Conway, J. H. (1910). How to solve it: A new aspect of mathematical method. Princeton University Press Princeton.

Veerasamy, A. K., D’Souza, D., Lindén, R., and Laakso, M.-J. (2019). Relationship between perceived problem-solving skills and academic performance of novice lear-ners in introductory programming courses. Journal of Computer Assisted Learning, 35(2):246–255.

Vianna, C. R. (2002). Resolução de problemas. Temas em educação I: Livro das jornadas, pages 401–410.
Publicado
22/11/2021
Como Citar

Selecione um Formato
OLIVEIRA, Jhonatas Costa; CARVALHO, Leandro S. G.; OLIVEIRA, Elaine H. T.; OLIVEIRA, David B. F.; PEREIRA, Filipe Dwan. Correlação entre habilidade de resolução de problemas e desempenho em disciplina introdutória de programação. In: ARTIGOS RESUMIDOS - SIMPÓSIO BRASILEIRO DE INFORMÁTICA NA EDUCAÇÃO, 32. , 2021, On-line. Anais [...]. Porto Alegre: Sociedade Brasileira de Computação, 2021 . p. 15-20. DOI: https://doi.org/10.5753/sbie_estendido.2021.218389.