Jogo Mobile como Ferramenta de Educação para Prevenção da Doença de Chagas

  • Lúcio L. Oliveira UFPA
  • Ellison Ribeiro UFPA
  • Marcos Seruffo UFPA
  • Dilma de Souza UFPA
  • Tereza Sanches UFPA

Resumo


A doença de Chagas (Tripanossomíase americana) é uma doença tropical infecciosa que ainda é bastante negligenciada. A enfermidade, antes considerada rural, está se tornando uma endemia urbana devido ao consumo, nas cidades, de alimento contaminado pelo protozoário causador da doença, sobretudo no estado do Pará onde a população consome açaí sem higienização. Se as formas de contágio de uma doença são bem conhecidas, torna-se mais fácil preveni-la e, para tanto, educação é fundamental, por isso, este artigo propõe a criação de um jogo educativo e acessível sobre a doença de Chagas. Sabendo-se do desafio que é engajar usuários em produtos de entretenimento cujo foco é educação, princípios do game design são levados em conta no desenvolvimento da experiência.

Referências

Klaus Schwab (2016), The Fourth Industrial Revolution, Edipro, 1th edição.

Mizoguti, Isabela Lie (2018) “Doença de Chagas: A culpa é do Açaí?”, Boletim Informativo: junho, 2018 v. 1, n. 1.

Rezende, J. M. (2017) “Clinical phases and forms of Chagas disease”, Federal University of Goias, Goias, Brazil

Falkembach, Gilse A. Morgental (2016) “Jogos educacionais”, Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Centro Interdisciplinar de Novas Tecnologias na Educação.

Panosso, Mariana G. (2015) “Características atribuídas a jogos educativos: uma interpretação Analítico-Comportamental” Revista Quadrimestral da Associação Brasileira de Psicologia Escolar e Educacional, SP. Volume 19, Número 2, maio/agosto de 2015: 233-241.

Pellegruine, Marina Joaquim (2007) “A importância dos jogos e das brincadeiras na educação infantil”, Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, Faculdade de Educação.

Costa, Alanna Carla (2016) “Satisfação dos pacientes com doença de Chagas atendidos por um serviço de atenção farmacêutica no estado do Ceará, Brasil” Universidade Federal do Ceará, Instituto do Coração.

Ampudia, Ricardo (2018) “Celular é mais utilizado do que computador para acessar internet no Brasil” https://www1.folha.uol.com.br/tec/2018/07/celular-e-mais-utilizado- do-que-computador-para-acessar-internet-no-brasil.html, julho.

Secretaria de Vigilância em Saúde (2012) “Doença de Chagas Aguda e distribuição espacial dos triatomíneos epidemiológicos”, Ministério da Saúde. Volume 50. jan. 2019

Ortega, Luciana V. Nunes (2016) “Jogos e brincadeiras no processo de ensino – Gestão Universitária” http://www.gestaouniversitaria.com.br/artigos-cientificos/jogos-e- brincadeiras-no-processo-de-ensino-aprendizagem-na-educacao-infantil, dezembro.

Kaneto, L. Alves (2018) “Educational Workshop using games improves self-monitoring of blood glucose among children” Faculdade das Américas, Escola de Enfermagem, São Paulo, SP, Brazil.

Ministério da Saúde. (2019) “Doença de Chagas: o que é, causas, sintomas, tratamento e prevenção” http://portalms.saude.gov.br/saude-de-a-z/doenca-de-chagas, janeiro.

Agencia Brasil (2019) “Número de pessoas que tem celular aumenta 147% em dez anos, diz IBGE” http://agenciabrasil.ebc.com.br/geral/noticia/2016-12/numero-de-pessoas- que-tem-celular-aume nta-147-em-dez-anos-diz-ibge, janeiro.

Médicos sem fronteiras (2018), “Doença de Chagas” https://www.msf.org.br/o-que- fazemos/atividades-medicas/doenca-de-chagas
Publicado
02/12/2019
Como Citar

Selecione um Formato
OLIVEIRA, Lúcio L.; RIBEIRO, Ellison; SERUFFO, Marcos; DE SOUZA, Dilma; SANCHES, Tereza. Jogo Mobile como Ferramenta de Educação para Prevenção da Doença de Chagas. In: CONGRESSO SOBRE TECNOLOGIAS NA EDUCAÇÃO (CTRL+E), 4. , 2019, Recife. Anais do IV Congresso sobre Tecnologias na Educação. Porto Alegre: Sociedade Brasileira de Computação, dec. 2019 . p. 568-574. DOI: https://doi.org/10.5753/ctrle.2019.8933.