Gamificando o Material Dourado: Uma Estratégia para o Auxílio do Ensino do Sistema Decimal de Numeração para Crianças com TEA

  • Isabel Cristina Siqueira da Silva UFCSPA

Resumo

O material dourado é um recurso concreto que visa auxiliar no processo de ensino-aprendizagem do sistema de numeração decimal-posicional e das quatro operações básicas. No entanto, para crianças com transtorno do espectro autista (TEA), este processo depende que estas compreendam a linguagem matemática, a qual é composta por símbolos, algoritmos e processos. Este trabalho traz um relato de experiência de desenvolvimento de um ambiente digital gamificado para auxiliar no ensino do fundamento destes conceitos. Visa-se, assim, que crianças com TEA possam trabalhar diferentes formas de interação e comunicação e reforçar o aprendizado com atividades concretas introduzidas através do material dourado real.

Referências

Alves, A. G., Chaves, J. E., & Cordeiro, A. M. (2020, November). Interface tangível com material dourado em jogo digital de aprendizagem de matemática. In Anais do XXXI Simpósio Brasileiro de Informática na Educação (pp. 612-621). SBC.

da Silva, I. C. S., & Bittencourt, J. R. (2016). Game thinking is not game design thinking! Uma proposta de metodologia para o projeto de jogos digitais. Proceedings of the XV SBGames, 295-304.

de Sousa, J. J., & de Andrade, S. (2019). O autismo e a aprendizagem: Uma análise do desenvolvimento matemático por um aluno na sala de AEE. Anais do Congresso Nacional de Pesquisa e Ensino em ciências (CONAPESC).

Mazzo, S. C., Centurión, R. B. M., & dos Santos, R. P. L. (2017). Autismo e as possibilidades de ensino visando o desenvolvimento lógico matemático. Acta Científica, 26(1), 47-56.

Neta, M., & Negreiros, A. M. (2022). O ensino de matemática para alunos autistas nas salas de recursos multifuncionais de São Raimundo Nonato-PI. Trabalho de Conclusão de Curso (Artigo) apresentado como exigência parcial para obtenção do diploma do Curso de Licenciatura em Matemática do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Piauí – IFPI, Campus São Raimundo Nonato.

Santos, L. S. e Pereira, P. E. D. (2016) O Uso do Material Dourado como Recurso no Ensino de Matemática: Adição e Subtração em Foco. In: IX Encontro Paraibano de educação matemática. Campina Grande. Anais… Campina Grande: Realize Eventos Científicos & Editora, 2016.

Takinaga, S. S. (2015) Transtorno do Espectro Autista: Contribuições para a Educação Matemática na perspectiva da Teoria das Atividades. 2015. 126 f. Dissertação (Mestrado Acadêmico em Educação Matemática), PUC, São Paulo.

Gardner, H. (1995) Inteligências múltiplas: a teoria na prática, Porto Alegre: Artes Médicas.

Prensky, M. (2005) Computer games and learning: Digital gamebased learning, in Raessens, J. Goldstein, J.H. (Ed.), Handbook of computer game studies. ed. Cambridge, Mass: MIT Press, pp. 97-122.
Publicado
2023-11-06
Como Citar
SILVA, Isabel Cristina Siqueira da. Gamificando o Material Dourado: Uma Estratégia para o Auxílio do Ensino do Sistema Decimal de Numeração para Crianças com TEA. Anais Estendidos do Simpósio Brasileiro de Jogos e Entretenimento Digital (SBGames), [S.l.], p. 1397-1402, nov. 2023. ISSN 0000-0000. Disponível em: <https://sol.sbc.org.br/index.php/sbgames_estendido/article/view/27937>. Acesso em: 18 maio 2024. doi: https://doi.org/10.5753/sbgames_estendido.2023.235605.
Seção
JEDI (Jogos & Equidade, Diversidade e Inclusão) - Artigos Curtos