Letramento digital no ensino médio: promovendo habilidades tecnológicas em Currais Novos/RN

  • Amanda Camila Bezerra IFRN
  • Thamirys Carollina Barbosa de Barros IFRN
  • Francisco Genivan Silva IFRN

Resumo


Apesar da evolução tecnológica ter propiciado inúmeros benefícios ao longo dos anos, ainda se destaca uma parcela da população que não tem acesso às tecnologias e não possuem o conhecimento básico necessário para o seu manuseio, estes são os excluídos digitais. Diante disso, o projeto “Letramento Digital em Currais Novos” objetivou a promoção do desenvolvimento de habilidades digitais através de curso de formação em informática. O projeto propôs mais que apenas uma formação tecnicista, mas uma oportunidade melhoria social através do conhecimento e do uso das tecnologias. O projeto ocorreu na cidade de Currais Novos/RN e formou 30 estudantes da Escola Estadual Capitão Mor Galvão.

Referências

Almeida, Lília Bilati de; Paula, Luiza Gonçalves de. (2005) “O retrato da exclusão digital na sociedade brasileira”. Journal of Information Systems and Technology Management. Disponível em: [link]. Último acesso: Julho, 2022.

Alves, Victória G. da Silva; Bernardo, João Helis; Lemos, Maria Clara L. de. (2020). “A Inclusão Digital no Contexto Social da Educação de Jovens e Adultos: Um Estudo Exploratório nas Escolas de Macau -RN”. Disponível em: [link]. Último acesso: Maio, 2023.

Ávila, Ismael Mattos A. e Holanda, Giovanni Moura De. (2006) “Inclusão digital no Brasil: uma perspectiva sociotécnica”. In: SOUTO, Átila A., DALL’ANTONIA, Juliano C. e HOLANDA, Giovanni Moura de. (org). As cidades digitais no mapa do Brasil: uma rota para a inclusão digital. Brasília, DF: Ministério das Comunicações. Último acesso: Junho, 2022.

Gonçalves, David Kelvin Galindo; Galindo, Joaci. (2019) “Inclusão digital em busca de desenvolvimento computacional de crianças e adolescentes: Um olhar para o futuro das intercomunicações sociais e profissionais”. Disponível em: [link]. Último acesso: Junho, 2022.

Índice de Desenvolvimento da Educação Básica 2019 (IDEB). Brasil. Rio de Janeiro: IBGE Cidades. Disponível em [link]. Último acesso: Maio de 2022

Mattos, Fernando Augusto Mansor de; Chagas, José do Nascimento. (2008) “Desafios para a inclusão digital no Brasil”. Disponível em: [link]. Último acesso: Julho, 2022.

Neri, Marcelo Cortes. (2012) “Mapa da inclusão digital”. Fundação Getulio Vargas. Disponível em: [link]. Último acesso: Julho, 2022.

Silva Filho, Antonio Mendes. (2003) “Os três pilares da inclusão digital”. Revista Espaço Acadêmico. Ano III. nº 24. Disponível em: [link]. Último acesso: Junho, 2022.

Silva, Jheklos Gomes da Silva; Diniz, Juliana Regueira Basto. (2021) “Desafios e Possibilidades para o Desenvolvimento do Pensamento Computacional no Fundamental I”. Sociedade Brasileira de Computação (SBC). p. 148 – 157. Último acesso: Maio, 2023.

Tripp, David. (2005) “Pesquisa-ação: uma introdução metodológica”. Disponível em: [link]. Último acesso: Maio, 2023.

Zorzo, A. F.; Nunes, D.; Matos, E.; Steinmacher, I.; Leite, J.; Araujo, R. M.; Correia, R.; Martins, S. (2017) “Referenciais de Formação para os Cursos de Graduação em Computação”. Sociedade Brasileira de Computação (SBC). 153p. ISBN 978-85-7669-424-3. Último acesso: Maio, 2023.
Publicado
23/08/2023
Como Citar

Selecione um Formato
BEZERRA, Amanda Camila; BARROS, Thamirys Carollina Barbosa de; SILVA, Francisco Genivan. Letramento digital no ensino médio: promovendo habilidades tecnológicas em Currais Novos/RN. In: CONGRESSO SOBRE TECNOLOGIAS NA EDUCAÇÃO (CTRL+E), 8. , 2023, Santarém/PA. Anais [...]. Porto Alegre: Sociedade Brasileira de Computação, 2023 . p. 89-96. DOI: https://doi.org/10.5753/ctrle.2023.231691.