Metodologias Ativas à Luz de Comenius: uma Experiência na Pós-Graduação

  • Andrea C. A. Almeida UECE
  • Carlos Ian B. Melo UECE
  • Myrcea S. S. Harvey UECE
  • Marcos Vinicius A. Lima UECE
  • Pedro Jonatas S. Chaves UECE

Resumo


Este artigo tem por objetivo relacionar as ideias do educador Jan Amos Comenius, que datam do século XVII, à teoria e prática das metodologias ativas, propostas à educação superior contemporânea. Como fundamento teórico utilizou-se da principal obra desse autor, Didática Magna, e de estudos atuais sobre metodologias ativas. Metodologicamente optou-se pela realização de um relato de experiência, entrecruzando os conceitos estudados e a prática de uma aula inovadora no ensino superior. Como conclusões apontamos que os postulados de Comenius estão imbricados com as metodologias ativas, pois demonstram o potencial destas em valorizar o trabalho do professor e oportunizar o desempenho do aluno, proporcionando uma experiência de aprendizagem significativa.

Referências

ALMEIDA, Andrea Chagas Alves de Almeida; MELO, Ana Flávia Beviláqua. Flipped Classroom como estratégia metodológica para Educação Superior: Um caso da AnBar Organização de Eventos. In: 23º CIAED - Congresso Internacional ABED de Educação a Distância, 2017, Foz do Iguaçu - PR.

ARANHA, Maria Lúcia de Arruda. História da Educação e da Pedagogia: geral e Brasil. – 3. ed. – rev e ampl. – São Paulo: Moderna, 2006.

BACICH, Lilian; MORÁN, José. Metodologias ativas para uma educação inovadora: Uma abordagem teórico-prática. Porto Alegre: Penso, 2018.

BERBEL, Neusi Aparecida Navas. As metodologias ativas e a promoção da autonomia de estudantes. Semina: Ciências Sociais e Humanas, Londrina, v. 32, n. 1, p. 25-40, jan./jun. 2011.

COMENIUS, Jon Amós. The great didactic of John Amos Comenius. Editora: Leaf.com books. Versão Kindle. Publicado em 2012. ISBN versão kindle: B009XJ5E3W. ISBN versão impressa: 1169351085.

COSTA, Alex Felipe Ferreira; de MELO, Alex Frederico Mathias Felix; MOREIRA, Gabriel Gonçalves, CARVALHO, Marcos de Alencar; LIMA, Marcos Vinícius de Andrade. Aplicação de Sala Invertida e Elementos de Gamificação para Melhoria do Ensino-Aprendizagem em Programação Orientada a Objetos. In: TISE 2017 - XXII Conferência Internacional sobre Informática na Educação, 2017, Fortaleza.

DAMIS, Olga Teixeira. Didática e Ensino: Relações e Pressupostos. In: VEIGA, Ilma Passos Alencastro (coord). Repensando a Didática. – 29ª ed. – Campinas, SP: Papirus, 2012.

DIESEL, Aline; BALDEZ, Alda Leila Santos; MARTINS, Silvana Neumann. Os princípios das metodologias ativas de ensino: uma abordagem teórica. Revista Thema. Instituto Federal de Educação, Ciências e Tecnologia Sul-rio-grandense. Pelotas, RS, Brasil, v. 14, n. 1, p. 268-288, 2017.

HORN, Michael B; STAKER, Heather. Blended: usando a inovação disruptiva para aprimorar a educação. Porto Alegre: Penso Editora, 2015.

FILATRO, Andrea; CAVALCANTI, Carolina Costa. Metodologias Inov-ativas na educação presencial, a distância e corporativa. São Paulo: Saraiva Educação, 2018.

NUNES, Ana Ignêz Belém Lima; NUNES, João Batista Carvalho. Papel dos formadores, modelos e estratégias formativos no desenvolvimento docente. Série-Estudos (UCDB), v. 36, p. 91-108, 2013.

MATTAR, João. Metodologias Ativas: Para a educação presencial, blended e a distância. São Paulo: Artesanato Educacional, 2017.

MORÁN, José. Mudando a educação com metodologias ativas. In: SOUZA, Carlos Alberto de; MORALES, Ofelia Elisa Torres (orgs.). Coleção Mídias Contemporâneas. Convergências Midiáticas, Educação e Cidadania: aproximações jovens. Vol. II. PG: Foca Foto-PROEX/UEPG, 2015.

WALKER, Daniel. Comenius - O Criador da Didática Moderna. Edição do Kindle.
Publicado
02/12/2019
Como Citar

Selecione um Formato
ALMEIDA, Andrea C. A.; MELO, Carlos Ian B.; HARVEY, Myrcea S. S.; LIMA, Marcos Vinicius A. ; CHAVES, Pedro Jonatas S.. Metodologias Ativas à Luz de Comenius: uma Experiência na Pós-Graduação. In: CONGRESSO SOBRE TECNOLOGIAS NA EDUCAÇÃO (CTRL+E), 4. , 2019, Recife. Anais do IV Congresso sobre Tecnologias na Educação. Porto Alegre: Sociedade Brasileira de Computação, dec. 2019 . p. 60-68. DOI: https://doi.org/10.5753/ctrle.2019.8876.