Definição de heurística para identificação automática da fluência em leitura de crianças em fase de alfabetização

  • Cristiano Nascimento Silva Universidade Federal de Juiz de Fora
  • André Luiz Vasconcelos Ferreira Universidade Federal de Juiz de Fora
  • Elias Cyrino de Assis Universidade Federal de Juiz de Fora
  • Jairo Francisco de Souza Universidade Federal de Juiz de Fora https://orcid.org/0000-0002-0911-7980

Resumo


Avaliações formativas em larga escala fornecem dados para o planejamento e melhoria nos métodos de ensino e políticas na educação. Essas avaliações, contudo, são muito custosas, gerando demanda para automatização de avaliações para diferentes áreas de conhecimento e anos letivos. Este trabalho discute a avaliação automática em larga escala no processo de alfabetização e tem como objetivo apresentar uma abordagem heurística para minimizar o erro na identificação automática de palavras lidas por alunos em testes de fluência. Foram realizados experimentos com 6 experimentos em 1039 áudios com leituras em voz alta de crianças dos primeiros anos escolares, no qual o melhor experimento obteve uma acurácia de 95,77%.

Palavras-chave: Heurística, automática, fluência, alfabetização, leitura, crianças

Referências

Al Braiki, B., Harous, S., Zaki, N., and Alnajjar, F. (2020). Artificial intelligence in education and assessment methods. Bulletin of Electrical Engineering and Informatics, 9(5):1998–2007.

Bailly, G., Godde, E., Piat-Marchand, A.-L., and Bosse, M.-L. (2022). Automatic assessment of oral readings of young pupils. Speech Communication, 138:67–79.

Balogh, J., Bernstein, J., Cheng, J., and Townshend, B. (2007). Automatic evaluation of reading accuracy: assessing machine scores. In Workshop on Speech and Language Technology in Education.

Black, M., Tepperman, J., Lee, S., Price, P., and Narayanan, S. S. (2007). Automatic detection and classification of disfluent reading miscues in young children’s speech for the purpose of assessment. In Eighth Annual Conference of the International Speech Communication Association.

Carchedi, L. C., Barrére, E., and de Souza, J. F. (2021). Avalia online: um sistema para avaliação em larga escala de testes de fluência de leitura. In Anais do XXXII Simpósio Brasileiro de Informática na Educação, pages 01–11. SBC.

Ceccon, D. and Porto, J. (2020). Bcs: Jogos digitais no auxílio do desenvolvimento de crianças especiais com atraso na linguagem. In Anais do XXXI Simpósio Brasileiro de Informática na Educação, pages 522–531, Porto Alegre, RS, Brasil. SBC.

Chassignol, M., Khoroshavin, A., Klimova, A., and Bilyatdinova, A. (2018). Artificial intelligence trends in education: a narrative overview. Procedia Computer Science, 136:16–24.

de Mira Gobbo, M. R., Barbosa, C. R., Morandini, M., and Mafort, F. (2019). Aplicativo para ganho de vocabulário e auxílio na alfabetização destinado às crianças com transtorno do espectro autista. In Brazilian Symposium on Computers in Education (Simpósio Brasileiro de Informática na Educação-SBIE), volume 30, page 1111.

de Oliveira, E. d. S. G., Cunha, V. L., da Encarnação, A. P., Santos, L., de Oliveira, R. A., and da Silva Nunes, R. (2007). Uma experiência de avaliação da aprendizagem na educação a distância. o diálogo entre avaliação somativa e formativa. REICE. Revista Iberoamericana sobre Calidad, Eficacia y Cambio en Educación, 5(2):39–55.

Dickel, A. (2016). A avaliação nacional da alfabetização no contexto do sistema de avaliação da educação básica e do pacto nacional pela alfabetização na idade certa: responsabilização e controle. Cadernos Cedes, 36:193–206.

Dowd, A. J. and Pisani, L. (2013). Two wheels are better than one: the importance of capturing the home literacy environment in large-scale assessments of reading. Research in Comparative and International Education, 8(3):359–372.

Esteban, M. T. and Wolf, C. C. (2015). Um olhar para a alfabetização a partir dos exames nacionais. Revista de estudios e Investigación en Psicologia y Educación, pages 160–164.

Isac, M. M., da Costa, P. D., Ara ́ujo, L., Calvo, E. S., and Albergaria-Almeida, P. (2015). Teaching practices in primary and secondary schools in europe: Insights from large- scale assessments in education. JRC Science and Policy Report.

Kabir, M. M., Mridha, M., Shin, J., Jahan, I., and Ohi, A. Q. (2021). A survey of spea- ker recognition: Fundamental theories, recognition methods and opportunities. IEEE Access.

Kaplan, D. and Huang, M. (2021). Bayesian probabilistic forecasting with large-scale educational trend data: a case study using naep. Large-scale Assessments in Education, 9(1):1–31.

Klinger, D. (2008). The evolving culture of large-scale assessments in canadian education. Canadian Journal of Educational Administration and Policy, (76).

Malik, G., Tayal, D. K., and Vij, S. (2019). An analysis of the role of artificial intelligence in education and teaching. In Recent Findings in Intelligent Computing Techniques, pages 407–417. Springer.

Neumann, K., Fischer, H. E., and Kauertz, A. (2010). From pisa to educational standards: The impact of large-scale assessments on science education in germany. International Journal of Science and Mathematics Education, 8(3):545–563.

Oliveira, G. d. (2002). Avaliação formativa nos cursos superiores: verificações qualitativas no processo de ensino-aprendizagem e a autonomia dos educandos. OEI-Revista Iberoamericana de Educación. Disponível em:. Acesso em, 15.

Proença, J., Lopes, C., Tjalve, M., Stolcke, A., Candeias, S., and Perdigão, F. (2017). Automatic evaluation of reading aloud performance in children. Speech Communication, 94:1–14.

Romana, A., Bandon, J., Perez, M., Gutierrez, S., Richter, R., Roberts, A., and Provost, E. M. (2021). Automatically detecting errors and disfluencies in read speech to predict cognitive impairment in people with parkinson’s disease. In Interspeech, pages 1907– 1911.

Sousa, S. Z. (2014). Concepções de qualidade da educação básica forjadas por meio de avaliações em larga escala. Avaliação: Revista da Avaliação da Educação Superior (Campinas), 19:407–420.
Publicado
16/11/2022
Como Citar

Selecione um Formato
SILVA, Cristiano Nascimento; FERREIRA, André Luiz Vasconcelos; DE ASSIS, Elias Cyrino; DE SOUZA, Jairo Francisco. Definição de heurística para identificação automática da fluência em leitura de crianças em fase de alfabetização. In: SIMPÓSIO BRASILEIRO DE INFORMÁTICA NA EDUCAÇÃO, 33. , 2022, Manaus. Anais [...]. Porto Alegre: Sociedade Brasileira de Computação, 2022 . p. 39-50. DOI: https://doi.org/10.5753/sbie.2022.224702.