Potencialidades do pensamento computacional em sala de aula: um relato de experiência do IF Baiano, campus Catu

Resumo


O Pensamento Computacional (PC) tem atraído o interesse de muitos pesquisadores ao redor do mundo. No Brasil, ainda há uma lacuna na popularização do PC na educação básica. Este artigo apresenta uma estratégia de disseminação do PC no ambiente acadêmico por meio de atividades que estimulam a compreensão e utilização dos pilares do PC: decomposição, reconhecimento de padrões, abstração e algoritmos. As atividades propostas foram aplicadas durante o evento F5 Imersão realizado no IF Baiano, campus Catu, em formato de Workshop com duração de 4 (quatro) horas e teve seis participantes, entre professores e estudantes. Ao final do Workshop foi possível afirmar que iniciativas como esta contribuem com a difusão do pensamento computacional em nosso país.
Palavras-chave: computational thinking, classroom, unplugged activity, workshop

Referências


BBC (2018). "Introduction to computational thinking", https://www.bbc.co.uk/bitesize/guides/zp92mp3/revision/1, Novembro.

BRACKMANN, Christian Puhlmann. (2017). Desenvolvimento do pensamento computacional através de atividades desplugadas na educação básica.PhD thesis, Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

CAVALCANTE, A. F; COSTA, L. S; ARAÚJO, A. L. S; ANDRADE, W. L; GUERRERO, D. D. S.(2017). Um Estudo Exploratório da Aplicação de Pensamento Computacional Baseado nas Perspectivas de Professores do Ensino Médio.In Anais dos Workshops do VI Congresso Brasileiro de Informática na Educação (WCBIE).

KRAUSS, J; PROTTSMAN, K. (2016),Computational Thinking and Coding for Every Student: The Teacher's Getting-Started Guide,Corwin.

RAABE, A. L. A et al. (2017). Experiência de Implantação de uma Disciplina Obrigatória de Pensamento Computacional em um Colégio de Educação Básica. In Anais dos Workshops do VI Congresso Brasileiro de Informática na Educação(WCBIE).

SBC(2017). "Referenciais de Formação em Computação:Educação Básica", https://www.sbc.org.br/files/ComputacaoEducacaoBasica-versaofinal-julho2017.pdf, Novembro.

SILVA V; SILVA, K; FRANÇA, R.S.(2017). Pensamento computacional na formação de professores: experiências e desafios encontrados no ensino da computação em escolas públicas. In Anais dos Workshops do VI Congresso Brasileiro de Informática na Educação (WCBIE).

VALENTE, Jorge Armando. (2016). Integração do Pensamento Computacional no Currículo da Educação Básica: Diferentes Estratégias Usadas e Questões de Formação de Professores e Avaliação do Aluno. In Revista eCurriculum, v.14, n.3, p.5562.

WING, J. M. (2006). Computational Thinking. In Communications of the ACM, v.49, n. 3, p. 33-35.

YADAV, A., STEPHENSON, C., HONG, H. (2017).Computational Thinking for Teacher Education.In Comunications of the ACM, v. 60, n. 4, p.55-62.

Publicado
24/11/2020
Como Citar

Selecione um Formato
CONCEIÇÃO, Diêgo; DURÃES, Gilvan. Potencialidades do pensamento computacional em sala de aula: um relato de experiência do IF Baiano, campus Catu. In: WORKSHOP DE INFORMÁTICA NA ESCOLA, 26. , 2020, Evento Online. Anais [...]. Porto Alegre: Sociedade Brasileira de Computação, 2020 . p. 229-238. DOI: https://doi.org/10.5753/cbie.wie.2020.229.