Jogo Corrida das Frações - Ludicidade e Pensamento Computacional

  • Graziela Guarda Universidade Católica de Brasília
  • Caroline dos Santos Gonçalves Universidade Católica de Brasília
  • Lidia Raquel Rocha Cunha Universidade Católica de Brasília

Resumo


O presente estudo apresenta um relato de experiência acerca de um jogo lúdico "Corrida das Frações". A experiência foi oriunda do conjunto de atividades do projeto de pesquisa Logicamente, cujo enfoque é desenvolver uma metodologia educacional e objetos de aprendizagem utilizando as premissas das aprendizagens criativas, pensamento computacional, cultura maker, computação desplugada e robótica educacional como pilares para a Educação Básica. Neste sentido, o jogo explora de maneira criativa e lúdica as frações matemáticas em suas diferentes vertentes desenvolvendo conjuntamente habilidades do pensamento computacional. A experiência foi considerada exitosa e o reforço matemático dos conteúdos abordados um diferencial.

Referências

ARAUJO, Ana. L. S; ANDRADE, W.; GUERRERO, Dalton; MELO Monilly; SOUZA, Isabelle, M. L. Como Identificar Habilidades do Pensamento Computacional? Um Estudo Empregando Analise Fatorial. IN: IV Workshop de Ensino em Pensamento Computacional, Algoritmos e Programação, 2018, Fortaleza. Anais: Workshops do VII Congresso Brasileiro de Informática na Educação.

BARR, V. and Stephenson, C. (2011). Bringing computational thinking to k-12: what is involved and what is the role of the computer science education community? Acm Inroads, 2(1):48–54. Endlsey, W. R. (1980). Peer tutorial instruction. Englewood Cliffs, NJ: Educational Technology.

FRAÇÕES DO PROFESSOR SAGAZ. Jogo Digital Educacional – Instituto de Ciências Matemáticas e de Computação – USP São Carlos. (2018, março). Disponível em http://www.tsampaio.com/ic/objetos/kit1/index.html

MATCHING MATH EQUIVALENT FRACTIONS. Jogo Digital Educacional – Sheppard Software. (2018, março). Disponível em http://www.sheppardsoftware.com/mathgames/fractions/memory_equivalent1.htm

REIS, Rachel; LYRA, Kamila; REIS, Clausius; ISOTANI Seiji. Relato de Experiência sobre o uso da Computação Desplugada associada a uma Teoria de Aprendizagem Colaborativa. In: WORKSHOP DE INFORMÁTICA NA ESCOLA, XIV, 2018, Fortaleza. Anais: Sociedade Brasileira de Computação – SBC, 2018. p. 166 - 167.

SOUZA, Daniella; GOULART, Maria; GUARDA, Graziela; GOULART, Ione. Lightbot Logicamente: um game lúdico amparado pelo Pensamento Computacional e a Matemática. In: WORKSHOP DE INFORMÁTICA NA ESCOLA, XIV, 2018, Fortaleza. Anais: Sociedade Brasileira de Computação – SBC, 2018. p. 61 - 69.

WING, Jeannette M. Computational thinking. Communications Of The Acm, [s.l.], v. 49, n. 3, p.33-35, 1 mar. 2006. Association for Computing Machinery (ACM). http://dx.doi.org/10.1145/1118178.1118215.
Publicado
11/11/2019
Como Citar

Selecione um Formato
GUARDA, Graziela; GONÇALVES, Caroline dos Santos; CUNHA, Lidia Raquel Rocha. Jogo Corrida das Frações - Ludicidade e Pensamento Computacional. In: WORKSHOP DE INFORMÁTICA NA ESCOLA, 25. , 2019, Brasília. Anais [...]. Porto Alegre: Sociedade Brasileira de Computação, 2019 . p. 19-28. DOI: https://doi.org/10.5753/cbie.wie.2019.19.