Uma Proposta de Abordagem Pedagógica para o Uso do RPG Maker no Ensino de Cartografia

  • Carlos Souza UFPA
  • Enio Monteiro UFPA
  • Carlos Portela UFPA

Resumo


A utilização de Jogos Educativos Digitais (JEDs) vêm ganhando cada vez mais espaço em sala de aula e pode se tornar uma alternativa viável, por exemplo, no ensino de Geografia. No entanto, para que o uso de JEDs atenda aos objetivos esperados pelo docente, deve-se planejar a abordagem de ensino. Nesse contexto, este artigo propõe uma abordagem pedagógica, tendo como suporte teórico o construcionismo e como suporte técnico o software RPG Maker. Essa abordagem visa auxiliar no processo de ensino-aprendizagem da Cartografia Escolar no âmbito do Ensino Fundamental II. A proposta foi aplicada e avaliada por professores e alunos do curso de Geografia da UFPA Campus Cametá. A partir dos resultados dessa aplicação, concluiu-se que a adoção dessa proposta tornou a aula mais interessante, contextualizada e facilitou a aprendizagem dos conteúdos relacionados à Cartografia.

Referências

Aragão, V., Dias, S. e Fernandes, S. (2016). Criação de games na escola: uma experiência de interação, programação e ludicidade. Em Anais do Congresso Brasileiro de Informática na Educação (CBIE 2016), páginas 375-378.

Easterbrook, S., Singer, J., Storey, M-A. and Damian, D. (2007). Selecting Empirical Methods for Software Engineering Research. In Guide to Advanced Empirical Software Engineering, Chap. 11. Springer.

Fernandes, K., Aranha, E. e Lucena, M. (2018). Estratégias para Elaboração de Game Design de Jogos Digitais Educativos: uma Revisão Sistemática. Em Anais do Simpósio Brasileiro de Informática na Educação (SBIE 2018), páginas 585-594.

Filho, C., Dominguez, A., Costa F., Oliveira, P. (2015). Um Jogo Digital Baseado no Construcionismo. Em Revista Brasileira de Informática na Educação (RBIE), páginas 175-189.

Gaite, M. (1995). Juegos y tecnicas de simulacion. In: Enseñar Geografía de la teoría a la practica. Madrid: Editorial Sintesis.

MEC (2018) “Base Nacional Comum Curricular”, http://basenacionalcomum.mec.gov.br/wp-content/uploads/2018/02/bncc-20dez-site.pdf, Junho.

Neto, S., Santos, H., Souza, A. e Santos, W. (2013). Jogos Educacionais como Ferramenta de Auxílio em Sala de Aula. Em Anais do Workshop de Informática na Escola (WIE 2013), páginas 130-139.

Papert, S. (2008) “A Máquina das Crianças: Repensando a Escola na Era da Informática”, Em: Artes Médicas, Porto Alegre.

Paula, T., Souza, E., Silva, T., Silva, D. e Ribeiro, M. (2015). Proposta educativa utilizando o jogo RPG Maker. Em HOLOS, páginas 98-112.

Rosa, M. e Maltempi, M. (2003) “RPG Maker: uma proposta para unir jogo, informática e educação matemática”, http://tecmat.pbworks.com/w/page/20359578/Rosa, Junho.

Santos, C., Pedrotti, A., Matos, A. e Santana, A. (2011). A Cartografia e o ensino da Geografia. Em Revista Geográfica de América Central, páginas 1-15.

Sousa, L. e Serafim, M. (2016). Utilizando o Software RPG Maker VX ACE nas aulas de História. Em Congresso Nacional de Educação (CONEDU), páginas 1-12.
Publicado
11/11/2019
Como Citar

Selecione um Formato
SOUZA, Carlos; MONTEIRO, Enio; PORTELA, Carlos. Uma Proposta de Abordagem Pedagógica para o Uso do RPG Maker no Ensino de Cartografia. In: WORKSHOP DE INFORMÁTICA NA ESCOLA, 25. , 2019, Brasília. Anais [...]. Porto Alegre: Sociedade Brasileira de Computação, 2019 . p. 89-98. DOI: https://doi.org/10.5753/cbie.wie.2019.89.