Intervenções de Pensamento Computacional na Educação Básica através de Computação Desplugada

  • Francisco Tito Silva Santos Pereira Universidade Estadual de Feira de Santana
  • Luis Gustavo Araújo Universidade Estadual de Feira de Santana
  • Roberto Bittencourt Universidade Estadual de Feira de Santana

Resumo


Atualmente, os computadores ocupam um papel importante na sociedade, seja em tarefas pessoais, escolares ou relacionadas às profissões. Este papel exige, além da capacidade de interagir com esses dispositivos, o domínio de habilidades de pensamento computacional (PC) para resolver problemas. Assim, o ensino de Pensamento Computacional (PC) torna-se necessário na educação básica para proporcionar estes fundamentos e o exercício da criatividade. Neste trabalho, apresentamos uma experiência de ensino de PC para estudantes da educação fundamental de uma escola pública através de atividades de Computação Desplugada. Os resultados demonstram engajamento dos estudantes e um campo aberto para trabalhos interdisciplinares envolvendo PC e disciplinas como Matemática.

Referências

Bell, T., Alexander, J., Freeman, I., and Grimley, M. (2009). Computer science unplugged: School students doing real computing without computers. The New Zealand Journal of Applied Computing and Information Technology, 13(1):20–29.

Bell, T., Witten, I. H., and Fellows, M. (1998). Computer Science Unplugged... off-line activities and games for all ages.

Brennan, K. and Resnick, M. (2012). New frameworks for studying and assessing the development of computational thinking. In Proceedings of the 2012 annual meeting of the American Educational Research Association, Vancouver, Canada, pages 1–25.

Code.org (2019). O que você criará? https://code.org/. [Acesso em 5 Jun. 2019].

Costa, T., Batista, A., Maia, M., Almeida, L., and Farias, A. (2012). Trabalhando Fundamentos de Computação no Nível Fundamental: Experiência de Licenciados em Computação da Universidade Federal da Paraíba. XX WEI.

Cunha, F. and Nascimento, C. R. (2018). Uma Abordagem Baseada em Robótica e Computação Desplugada para Desenvolver o Pensamento Computacional na Educação Básica. In Simpósio Brasileiro de Informática na Educação – SBIE.

Ferreira, A. C., Melhor, A., Barreto, J., de Paiva, L. F., and Matos, E. (2015). Experiência Prática Interdisciplinar do Raciocínio Computacional em Atividades de Computação Desplugada na Educação Básica. In Anais do Workshop de Informática na Escola.

Pinho, G., Weisshahn, Y., Reiser, R., de Brum, C. F., Cavalheiro, S., Foss, L., Aguiar, M., and Du Bois, A. (2016). Pensamento Computacional no Ensino Fundamental: Relato de Atividade de Introdução a Algoritmos. In Anais do XXII WIE.

Reis da Silva, T., Galv˜ao de Araujo, G., and Henrique da Silva Aranha, E. (2014). Oficinas Itinerantes de Scratch e Computação Desplugada para Professores como Apoio ao Ensino de Computação - Um Relato de Experiência. Anais do XX WIE, pages 380–389.

Saavedra, A. R. and Opfer, V. D. (2012). Learning 21st-century skills requires 21stcentury teaching. Phi Delta Kappan, 94(2):8–13.

Santos, P. S. C., Araujo, L. G. J., and Bittencourt, R. A. (2018). A Mapping Study of Computational Thinking and Programming in Brazilian K-12 Education. In 2018 IEEE Frontiers in Education Conference (FIE). IEEE.

Selby, C. and Woollard, J. (2013). Computational thinking: the developing definition. Vieira, A., Passos, O., and Barreto, R. (2013). Um Relato de Experiência do Uso da Técnica Computação Desplugada. Anais do XXI WEI, pages 670–679.

Wing, J. M. (2006). Computational thinking. Communications of the ACM, 49(3):33–35.
Publicado
11/11/2019
Como Citar

Selecione um Formato
PEREIRA, Francisco Tito Silva Santos; ARAÚJO, Luis Gustavo; BITTENCOURT, Roberto. Intervenções de Pensamento Computacional na Educação Básica através de Computação Desplugada. In: WORKSHOP DE INFORMÁTICA NA ESCOLA, 25. , 2019, Brasília. Anais [...]. Porto Alegre: Sociedade Brasileira de Computação, 2019 . p. 315-324. DOI: https://doi.org/10.5753/cbie.wie.2019.315.