Proposta de uma Ferramenta Tecnológica Focada no Auxílio na Educação de Jovens e Adultos

Resumo


Este trabalho apresenta a proposta de desenvolvimento da ferramenta EJA Conectada, criada para uso em sala de aula como auxílio as práticas pedagógicas do professor, contribuindo, no processo de alfabetização na Educação de Jovens e Adultos (EJA). A ferramenta é baseada no método de alfabetização de Paulo Freire que considera os alunos com suas experiências de vida e formas de conhecimento do mundo letrado. São apresentados os diversos tipos de conteúdo, organizados em módulos, com atividades interativas que permitem ao aluno praticar as habilidades de leitura, compreensão e produção de textos, assim como os recursos de design utilizados na programação.
Palavras-chave: Alfabetização, Educação de Jovens e Adultos, EJA Conectada, Paulo Freire

Referências


Braga, A. C. and Mazzeu, F. J. C. (2017). O analfabetismo no Brasil: lições da história. Revista on line de Política e Gestão Educacional, 24-46.

Buchenau, M. and Suri, J. F. (2000). Experience prototyping. In Proceedings of the 3rd conference on Designing interactive systems: processes, practices, methods, and techniques (pp. 424-433).

Freire, P. (1979). Conscientização Teoria e Prática da Libertação Uma Introdução ao Pensamento de Paulo Freire, Cortex & Moraes, São Paulo.

Gil, A. C. (2008). Métodos e técnicas de pesquisa social. 6. ed. Editora Atlas SA.

Hine, C. (2005). Virtual methods: Issues in social research on the Internet. Berg Publishers.

IBGE. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. (2018). "Pesquisa nacional por amostra de domicílios contínua-PNAD contínua. Divulgação anual, https://biblioteca.ibge.gov.br/visualizacao/livros/liv101657_informativo.pdf, Dezembro.

Jenkings, H. (2009). Cultura da convergência: a colisão entre os velhos e novos meios de comunicação. São Paulo: Aleph.

Leal, T. F., Albuquerque, E. B. C. D. and Morais, A. G. D. (2010). Alfabetizar letrando na EJA: fundamentos teóricos e propostas didáticas. Belo Horizonte: Autêntica.

Lévy, P. (1999). Cibercultura. São Paulo: Editora 34.

Motta-Roth, D. and Hendges, G. R. (2010). Produção textual na universidade. São Paulo: Parábola Editorial, 15, 16.

Oliveira, K. K. de S., Andrade, C. W. L., Segundo, J., Cândido, A. L., Oliveira, A., Machado, A. S., Britto, A. C. Vilar, G. (2019). Tecnologias na Educação Básica uma Pesquisa Ação com Professores de uma Escola Pública Municipal. In Anais do Workshop de Informática na Escola (Vol. 25, No. 1, p. 1054).

Ortiz, J. S. B, Silva Junior, D., Oliveira, C. M. and Pereira, R. (2019). Pensamento Computacional e Cultura Digital: discussões sobre uma prática para o letramento digital. In Brazilian Symposium on Computers in Education (Simpósio Brasileiro de Informática na Educação-SBIE) (Vol. 30, No. 1, p. 1241).

Rogers, Y., Sharp, H. and Preece, J. (2013). Design de Interação: Além da Interação Humano-Computador. Porto Alegre, Brasil: Bookman.

Santaella, L. (2008). A ecologia pluralista da comunicação: conectividade, mobilidade e ubiquidade. São Paulo: Paulus.

Silva, T. M., Soares, L., Oliveira, K. K. S, Barbosa, R., Santos, H. and Alves, G. (2019). Experiência com gamificação: Uma abordagem aplicada no ambiente virtual de aprendizagem Moodle. In Anais do Workshop de Informática na Escola (Vol. 25, No. 1, p. 677).

Val, M. D. G. C. (2006). O que é ser alfabetizado e letrado. Práticas de leitura e escrita. Brasília: Ministério da Educação, 18-23.

Publicado
24/11/2020
Como Citar

Selecione um Formato
MORAIS, Anderson Melo de; OLIVEIRA, Katyeudo Karlos de Sousa; SANTOS, Jaíne; OLIVEIRA, Robson de. Proposta de uma Ferramenta Tecnológica Focada no Auxílio na Educação de Jovens e Adultos. In: WORKSHOP DE INFORMÁTICA NA ESCOLA, 26. , 2020, Evento Online. Anais [...]. Porto Alegre: Sociedade Brasileira de Computação, 2020 . p. 01-10. DOI: https://doi.org/10.5753/cbie.wie.2020.01.