Evolução da ferramenta App Inventor para suportar o ensino de design interface na Educação Básica

  • Fernando Pinheiro Universidade Federal de Santa Catarina
  • Christiane Gresse von Wangenheim Universidade Federal de Santa Catarina
  • Jean Hauck Universidade Federal de Santa Catarina
  • Miriam Ferreira Universidade Federal De Santa Catarina

Resumo


O App Inventor é usado para ensinar programação por meio do desenvolvimento de aplicativos móveis na Educação Básica. Ele permite projetar a interface do usuário, bem como programar sua funcionalidade. No entanto, foram identificadas deficiências em relação ao suporte para projetar interfaces em alinhamento com um processo de design centrado no usuário e guias de design visual. Este artigo apresenta aprimoramentos do App Inventor para facilitar o ensino do design da interface do usuário no ensino de computação. Primeiros resultados indicam que tais melhorias podem ter um impacto positivo na aprendizagem, bem como capacitar os alunos de criar produtos esteticamente atrativos e utilizáveis.

Referências

Ahn, S. (2014) "A study on information science curriculum of productivity tools to increase ability for problem solving in elementary and middle school". Korea Association of Information Education, 18(2), p. 235-242.

AIGA. (2013) "The Professional Association for Design". https://www.aiga.org/. Basili, V. R e Larman, C. (2003) "Iterative and incremental developments. a brief history", Computer, 36(6), p. 47-56. CSTA. (2017) "CSTA K–12 Computer Science Standards", ACM, New York, USA.

Ferreira, M. N. F., et al. (2019). "Learning user interface design and the development of mobile applications in middle school". ACM Interactions, 26(4), p. 66-69.

Garrett, J. J. (2011) "Elements of user experience, the: user-centered design for the web and beyond". Berkley: New Riders Press.

Google. (2019) "Material Design". https://material.io/guidelines/materialdesign/introduction.html, Junho.

Grover, S. e Pea, R. (2013) "Computational Thinking in K–12: A review of the state of the field". Educational Researcher, 42(1), p. 38-43.

ISO/IEC 9241-210:2011. (2011) "Ergonomia da Interação Humano-sistema: Parte 210: Projeto centrado no ser humano para sistemas interativos". Rio de Janeiro, Brasil.

Pinheiro F. d. P. (2019) "Modelo instrucional para o ensino de Engenharia de Software e Usabilidade voltado ao Ensino Fundamental". Dissertação, PPGCC, UFSC, Brasil.

Pinheiro, F. d. C. et al. (2018) "Teaching Software Engineering in K-12 Education: A Systematic Mapping Study." Informatics in Education, 17(2), p.167-206.

Schlatter, T. e Levinson, D. (2013) "Visual usability: Principles and practices for designing digital applications". San Francisco: Morgan Kaufmann.

West-Knights, I. (2017) "Why are schools in China looking west for lessons in creativity". Financial Times.

Yin, R. K. (2009) "Case Study Research: Design and Methods". SAGE, 4 ed., p. 219.
Publicado
11/11/2019
Como Citar

Selecione um Formato
PINHEIRO, Fernando; WANGENHEIM, Christiane Gresse von; HAUCK, Jean; FERREIRA, Miriam. Evolução da ferramenta App Inventor para suportar o ensino de design interface na Educação Básica. In: WORKSHOP DE INFORMÁTICA NA ESCOLA, 25. , 2019, Brasília. Anais [...]. Porto Alegre: Sociedade Brasileira de Computação, 2019 . p. 1234-1238. DOI: https://doi.org/10.5753/cbie.wie.2019.1234.