Princípios para o projeto de comunidades virtuais governamentais com fins e-Democráticos

  • Cristiano Maciel UFMT
  • Licinio Roque Universidade de Coimbra
  • Ana Cristina Bicharra Garcia UFF

Resumo


A democracia eletrônica permite viabilizar e consolidar processos consultivos e deliberativos. Contudo, há ausência de acesso participativo e engajamento permanente dos cidadãos com fins e-democráticos, seja pelo despreparo dos indivíduos no uso da Web ou mesmo pela falta de ambientes propícios para tal exercício de cidadania. Neste sentido, investigaram-se algumas das atuais experiências com e-participação e os princípios para o projeto de comunidades virtuais. Com base nesses e a fim de integrar processos e-deliberativos, é proposto o Modelo Interativo Governo-Cidadão. Para experimentação do modelo, foi desenvolvida e testada uma aplicação, a Comunidade Democrática Cidadã (CDC), ambos relatados nessa pesquisa.
Palavras-chave: e-participação, Modelo Interativo Governo-Cidadão, Comunidade Democrática Cidadã
Publicado
20/07/2009
Como Citar

Selecione um Formato
MACIEL, Cristiano; ROQUE, Licinio; GARCIA, Ana Cristina Bicharra. Princípios para o projeto de comunidades virtuais governamentais com fins e-Democráticos. In: WORKSHOP DE COMPUTAÇÃO APLICADA EM GOVERNO ELETRÔNICO (WCGE), 1. , 2009, Caxias do Sul. Anais [...]. Porto Alegre: Sociedade Brasileira de Computação, 2009 . p. 1-15. ISSN 2763-8723.

Artigos mais lidos do(s) mesmo(s) autor(es)

1 2 > >>