Análise do Desempenho da Virtualização Leve para Ambientes com Edge Computing baseada em NFV

  • Leon Valentim Porto Trindade
  • Luís Henrique M. K. Costa

Resumo


O paradigma de Virtualização de Funções de Rede (NFV) está mudando a forma pela qual os serviços de rede são providos, permitindo o mesmo grau de versatilidade e agilidade já visto na computação na nuvem. Porém, é possível implementar as funções virtuais através da virtualização tradicional baseada em hipervisores ou da virtualização leve, constituindo um compromisso entre flexibilidade e desempenho. Assim, este trabalho compara o desempenho em ambientes que utilizam tecnologia de virtualização com hipervisor aos que utilizam contêineres, a fim de verificar a mais adequada para ambientes operacionais aliados ao conceito de Edge Computing baseada em NFV. Com isso, pretende-se aferir a capacidade dessas tecnologias serem transparentes ao usuário em relação ao desempenho. Para tanto, foram feitos benchmarkings de CPU, memória, Entrada/Saída (I/O) de disco, rede e aplicação, evidenciando a baixa sobrecarga da virtualização leve, que chega a se aproximar do cenário nativo em certos casos.
Publicado
10/05/2018
Como Citar

Selecione um Formato
TRINDADE, Leon Valentim Porto; COSTA, Luís Henrique M. K.. Análise do Desempenho da Virtualização Leve para Ambientes com Edge Computing baseada em NFV. In: SIMPÓSIO BRASILEIRO DE REDES DE COMPUTADORES E SISTEMAS DISTRIBUÍDOS (SBRC) , 2018 Anais do XXXVI Simpósio Brasileiro de Redes de Computadores e Sistemas Distribuídos. Porto Alegre: Sociedade Brasileira de Computação, may 2018 . ISSN 2177-9384.